Com a mais linda vista para a Agulha do Diabo, o Mirante do Inferno, pra quem não conhece, pode achar que é uma coincidência muito estranha ou que se trata de um lugar ruim. Mas, ao contrário do nome, a vista desse ponto é divina.

Além de vislumbrar e acompanhar bem de perto escaladas na montanha mais imponente da Serra dos Órgãos, a Agulha, é possível ver de diferentes ângulos outros cumes. Para chegar ao mirante, faremos um trekking de aproximadamente 10 quilômetros, numa média de 6 horas, passando por uma das trilhas mais interessantes da região, cortada pela nascente do rio Paquequer.
 

p_0486

Muito se fala no Dedo de Deus, por este ser o marco do montanhismo nacional. Mas quando chegamos ao Mirante do Inferno, constatamos que outra pedra da Serra dos Órgãos merece melhor destaque: A Agulha do Diabo (2.050m de altitude).

O seu formato; e o pequeno cume, sem contar a difícil escalada até lá, assusta quem não é do meio. Tanto que antes da conquista, em 1941, se chamava Penhasco Fantasma. E do seu Mirante do Inferno, a vista para a ela é sensacional.

No Inferno, também pode-se ver de ângulo interessante a Pedra do Garrafão e alguns trechos da travessia Petrópolis-Teresópolis, com parte da Pedra do Sino, o ponto mais alto da Serra dos Orgãos.


No caminho para o Mirante passaremos pela Cachoeira do Véu da Noiva

p_0486

Retornaremos pelo Paredão Paraguaio e dependendo do tempo hábil poderemos ainda pode-se visitar o alto do Morro da Cruz.

p_0153 p_0153
p_0153 p_0153


Além do Bate e Volta ainda há a opção de pernoitar na Pedra do Sino, indo no Mirante do Inferno na descida e curtindo um dos mais belos nascer do Sol.

p_0153 p_0153
p_0153 p_0153



Nivel de dificuldade:


Caminhada Pesada

Duração:

Cerca de 10 horas (só o trekking) em caso de bate e volta
.

O que inclui:

Transporte ida e volta do Rio de Janeiro até a entrada do Parque onde iniciaremos a caminhada (se optar por transporte)
Tíckets de entrada e permanência no Parque Nacional da Serra dos Órgãos por 2 dias ou 1 dia dependendo da opção de pernoitar
Pernoite no Abrigo 4 em beliche. (Levar saco de dormir, ou cobertor) - se optar por pernoitar
Utilização da cozinha no Abrigo podendo utilizar pratos, panelas e talheres

Guia de Turismo espcializado em Ecoaventura


O que não inclui:

Despesas pessoais
Passeios não descritos nos roteiros
Banho de água quente no abrigo. Cada banho custa R$20,00
Equipamentos pessoais (saco de dormir, barraca, isolante térmico, fogareiro etc)
Café da manhã, lanche de trilha


O que levar:

- Tênis de caminhada
- Pequena mochila
- Água ou Isotônico
- Barras de Cereal, sanduíches, biscoitos, etc
- Repelente
- Protetor solar
- Óculos de sol
- Boné ou chapéu
- Máquina fotográfica
- Lanterna (de cabeça preferencialmente)
- Lanterna e pilhas reserva
- Capa de chuva ou corta vento
- Documentação (Identidade e carteira de plano de Saúde)
- Medicamentos de uso pessoal (anti-alérgicos, etc)

 

p_0002 p_0005
p_0008 p_0011 p_0022 p_0042 p_0044 p_0057 p_0059 p_0068 p_0069 p_0070 p_0486 p_0074 p_0085 p_0085 p_0085 p_0095 p_0230 p_0100 p_0100

Valores por pessoa bate e volta:

1 pessoa: R$ 590,00 Com transporte R$ 650,00
2 pessoas: R$ 325,00 Com transporte R$ 360,00
3 pessoas: R$ 290,00 Com transporte R$ 330,00
4 pessoas: R$ 270,00 Com transporte R$ 300,00
5 pessoas: R$ 240,00 Com transporte R$ 280,00
6 pessoas: R$ 200,00 Com transporte R$ 250,00


Valores por pessoa com pernoite:

1 pessoa: R$ 820,00 Com transporte R$ 920,00
2 pessoas: R$ 410,00 Com transporte R$ 460,00
3 pessoas: R$ 400,00 Com transporte R$ 440,00
4 pessoas: R$ 380,00 Com transporte R$ 420,00
5 pessoas: R$ 340,00 Com transporte R$ 390,00
6 pessoas: R$ 300,00 Com transporte R$ 350,00